Arquivo de etiquetas: Tavares

Comida para iletrados

 

20141015_114506-530x786

Emilia Nadal, Alimento dietético para analfabetos

Artigo original aqui.

Salette Tavares foi poetisa, e as salas do Centro de Arte Moderna da Fundação Gulbenkian que lhe são consagradas (até ao dia 25 de Janeiro) recuperam alguns dos seus textos, experimentais e irónicos, entre os quais alguns em francês (“Les murmures des mures mûres”). Mas, para o não-lusófono, o interesse desta pequena exposição vem sobretudo dos objetos aqui apresentados. As suas esculturas de palavras, duplicando-se através das sombras nas paredes, habitam o espaço como o manequim aqui em baixo, feito de elos alfabéticos, ou, mais longe, dos ramos de aveleira constituídos de letras articuladas. São caligramas tridimensionais.

20141015_113625-530x883

Salette Tavares, Maquinin

Existem também, sobre uma mesa de pequenas esculturas bastante brutas, assemblagens incongruentes de detritos, lâminas de navalha, molas, e outras coisas, no meio dos quais o frasco acima atrai o olhar: contrariamente ao que tinha percebido, não é uma obra de Salette Tavares, mas de Emília Nadal, pertencendo à coleção da primeira.

Fotos do autor